Alho negro é saudável, delicioso e versátil

A procura por alimentos saudáveis cresceu durante a pandemia, segundo o Estudo NutriNet, realizado pelo Nupens (Núcleo de Pesquisas Epidemiológicas em Nutrição e Saúde) da USP (Universidade de São Paulo). 

A preocupação em melhorar as defesas imunológicas do organismo pode ser considerada como uma das causas para que essa atenção com os nutrientes, o preparo e a origem dos alimentos tenham se transformado em hábitos ainda mais importantes.

Essa busca pelo aumento das defesas do organismo fez com que as pessoas procurassem consumir mais alimentos ricos em nutrientes em sua forma mais pura, ou em preparos que se aproximem o máximo possível do alimento in natura.

Segundo o estudo do Nupens/USP, durante a pandemia as pessoas passaram a cozinhar mais em casa e a consumir mais frutas, hortaliças e feijão.

E no meio dessa busca para variação da alimentação, é sempre bom poder conhecer novos produtos para ampliar o leque de sabores.

Uma hortaliça pouco conhecida, mas que traz diversos benefícios para a saúde é o alho negro, um superalimento potente e gostoso. Rico em antioxidantes, ele fortalece a imunidade, previne e ameniza os sintomas da diabetes, melhora a pressão alta e o colesterol. Além disso, possui efeitos neuroprotetor, hepatoprotetor e anticancerígenos.

O alho negro tem um sabor adocicado e frutado, remetendo ao melaço e ao tamarindo, sem aquela característica pungência do alho comum.

Na plataforma Baskets, é possível encontrar diferentes tipos de preparos com a hortaliça, todos da produtora artesanal Alho Negro do Sítio.

Existem diversas versões com alho negro: em pesto, como geleias e até no chimichurri. Ele pode ser consumido puro, em massas, pães, grelhados, saladas e sanduíches.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.